9 de abr de 2011

Bocós em Buenos Aires...


O Uruguai é um país bem pequenooo, com mais ou menos 3,5 milhões de habitantes, ou seja, é pouca gente, várias fazendas, cidades bem pequenas. Aí chegamos em Buenos Aires e me senti assim sufocada pra ser sincera =P. Como viemos de barca chegamos no porto (dahhhhh é claro, não dava pra chegar de barca no aeroporto). O porto fica perto do centro da cidade e como somos fortes e muitoooo espertos, olhamos um mapa no porto e pensamos “ahhhh umas 10 quadras é perto, vamos andando”, hehehehehehehe. E fomos =).

Imaginem aí!!

Eu, Rafa, mais ou menos 40 quilos de bagagem, andando no centro empresarial de Buenos Aires!!! Eram umas 5 da tarde e tava assim lotadooooooooooo!!!! E pra piorar o que aconteceu?! Vocês não vão acreditar?! Era inimaginável porque nosso plano era infalível!!! NÓS NOS PERDEMOS!!!! Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
Várias vezes!!!! Andamos quadras e quadras igual baratas tontas procurando um Hostel pra ficar e pra piorar os meus já frágeis nervos! O Rafa ainda quer ficar tirando fotos, affffffffffffffffff!!!! Eu fico pirada!!! Foto com 20 quilos nas costas não é legal!!! Vem aquela típica vontade de MATAR O NAMORADO, hahahahahahahaaaaaa!!!! Se ele não fosse assim tão bunitinho =). Ahhh outro fato importante, como o bunitinho tava com calor, por causa da mochilinha nas costas, tirou a camisa e agora não podia entrar em lugar nenhum pra perguntar preços, etc. Lá vai a Cintia =).

Depois de percorrer esse mapa aí de cima =(. Chegamos no nosso Hostel Downtown Mate, que é bem legal e ainda estamos aqui =). A roupa de cama é limpa, o banheiro também. Uma maravilha! Nesses casos nada melhor que uma cidade grande né!

Descansamos essa noite porque já tínhamos: andado de bike em Colônia, quase perdido a barca pra Buenos Aires e ainda tinha tido a saga com as mochilas no centro, sem falar na minha noite mal dormida no Hostel do fedor (Detalhes no post anterior).........

heimmmmmm....
será............
descansar...........
hummmmmmm..........
descansar......... que isso?!

É claro que não =)

A gente tava doidoooooo pra conhecer alguma coisa nova!!! Então tomamos banho, aliás eu tomei banho, porque o Rafa aboliu esse hábito e fomos passear!!!
Bem, problema número 1! A gente não tinha nenhum peso Argentino, procuramos uma casa de câmbio, mas como já era tarde estava tudo fechado! Mas como a gente é muito esperto! Ohhhh, pura esperteza!!! Pensamos: “Ahhhh a gente paga em dólar! Relaxa”.
Isso já era uma 9 da noite, resolvemos perguntar pra alguém que tava passando um bom lugar aqui pra gente ir, óbvio que nós mandaram pra Recoleta, tipo o Leblon de Buenos Aires. Mas como a gente ía?! porque não tinha grana!!! Ahh vamos ver o metro porque a gente tinha uma nota de 1 dolar, eles devem aceitar e lá fomos nós pro metro e chegando não sei o que rolou o cara do caixa nem olhou pra nossa cara e mandou a gente passar a roleta sem pagar, eu não entendi nada, mas obaaaaaaa a gente não tem grana mesmo. Ficamos perdidos na estação (perdidos de novo) e descobrimos uma estação pra descer. Ahh detalhe, no metro daqui faz uns 40 graus e eu toda equipada pro frio, hauhauhauauahua. Descemos numa estação qualquer e começar a rodar mais um pouco e a fome tava matando a gente, mas a gente não tinha dinheiro só dólar e começamos a perguntar em vários restaurantes e ninguém aceitava dólar, comecei a me desesperar porque tava quase comendo o Rafa, sem falar que não tínhamos grana pra voltar pro Hostel. Bem conseguimos um restaurante que enfim aceitou nosso dólar e por sorte era pra comer uma salada =D.
Comemos e teve um troco, pequeno porque o cara só quis aceitar nossa nota de 10. Ahhh beleza a grana pra voltar pro Hostel tá garantida =). Sim.............. Sim............ Nãooooooooo. Porque logo em seguida vi uma pizzaria tão tão tão cheirosa que vendia pizza em pedaços, hummmm aí compramos um de pizza e uma água e acabou o dinheiro de novo, kkkkkkkkkkkkkkkkk. Affffffffff tô até com vergonhar de relatar isso aqui. A gente é muitoooo Bocó!!!!!!!!!!! Tô morrendo de rir porque só agora me dei conta disso tudo, hauhauahauahauhau.
Eu quero!!!!!! Mas cadê o dinheiro?!! =(

Bem como tínhamos descido na estação errada do metrô a gente não tava efetivamente na Recoleta, mas sim há umas 10 quadras de lá e como a gente tava animado e queria beber, resolvemos ir andando...........
Praça que não sei direito onde fica. Mas é aqui em Buenos Aires =P

E do nada surgiu o cemitério da Recoleta!! Ebaaaaaaaaaa!!!! Cemitério nesse caso era um bom sinal =D.
Passeio vizinho ao Cemitério da Recoleta.

Ahhhhhhhhhhh mais a gente não tinha dinheiro, kkkkkkkkkkkkkkkk. Voltamos pra saga dos restaurantes: “Olá! Pudemos pagar in dólares americanos?”(Portunhol). E acreditem quem aceitava?! Um pub Irado colado no cemitério (Pra quem não sabe isso é muito chique! Um apartamento de frente pro cemitério e tipo como um apartamento no Leblon de frente pro mar). 
O Pub que aceita dólares =D

Sentamos e descobrimos que era caro, viu......... o cara do bar quase conseguiu vender uma cerveja de 50 reais pra gente. Mas bebemos margueritas e outro drink gostoso e no segundo a gente já tava bebâdo =D.
Xique né!=P

Quando fomos pagar o cara queria nos dar o troco todo em dólar!! Affffffff e como a gente ía voltar pra casa =(. Quase choramos pro garçom e ele deu o dinheiro contado pra gente pegar um táxi pra casa e o resto foi em dólar mesmo. Quando falamos que era um táxi pro centro ele ainda deu mais uns pesos e disse que era longe.
Aí na hora de pegar o táxi deu uma pena.... que caro né?! Ele disse que é longe! =( Ahhhh vamos de ônibus!!! =) Ahhh antes disso o Rafa me pergunta: “Cintia você sabe o endereço do nosso Hostel? Porque não faço a menor idéia”. Kkkkkkkkkkkkkk, ainda bem que eu sabia. E lá fomos nós bêbados procurar a parada de certa, pra que lado será?!!! Hahahahahaha deve ser aqui, passamos um tempo parados na parada pro lado errado, kkkkkkkkkkkkk. Descobrimos o ônibus e lá fomos nós! E na hora de pagar o ônibus pegamos nossa nota de 2 e o cara disse: “No, solo monetas.” Como? É o que meu filho?! “Solo monetas”. Traduzinho: “Só moedas”. E a gente não tinha nenhuma, aí ele deixou a gente ir de graça no ônibus. Ou seja, não pagamos o metro da ida (até agora não sei pq não pagamos) e não pagamos o ônibus da volta!!! Affff eu tô adorando essa cidade =). Transporte grátis!!!!
Alías........... Ops perdemos a parada e passamos “molto”, aí tivemos que pegar outro ônibus e esse o cara cobrou =(, trocou nosso dinheiro por monetas =).
Bocós perdidos em Buenos Aires =)


Afffffffff foi irado!!!!  Primeira de muitas noites divertidas em Buenos Aires =D

3 comentários:

CIGANOrj disse...

O que comentar???

L-O-U-C-O-S-!-!-!

CIGANOrj disse...

AH O TÍTULO FOI ÓTIMO "BOCÓS"
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

Muito bom Cintia! Continue postando a sua saga em Buenos. Depois quero saber todas as dicas. Bruno Sellani